Lições da Suécia para os EUA

Noventa e sete por cento da receita tributária sueca proveniente da renda provém de impostos proporcionais sobre a folha de pagamento e impostos fixos regionais, fixados em cerca de um terço da renda de todos. Apenas 3% da receita total do imposto de renda provém da “tributação dos ricos” especificamente. O sistema dos EUA é muito mais progressivo. De acordo com a última comparação da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), os 10% do topo nos Estados Unidos pagam 45% do total dos impostos de renda. Na Suécia, é menos de 27%. Se Sanders e a senadora Elizabeth Warren (D-NH) reclamam que os ricos dos EUA não pagam seu "quinhão", eles realmente odiariam o modelo sueco.

Como a Suécia, com altos impostos, aboliu seu imposto sobre herança

Em 2004, o imposto sobre herança e o imposto sobre doações suecos foram abolidos por votação unânime no Riksdag (Parlamento Sueco). Em um novo livro Ten years without the Swedish inheritance tax. Mourned by no one – missed by few (Dez anos sem o imposto sobre herança sueco. Lamentada por ninguém - sentida por poucos), escrito por mim e Amanda Wollstad, contamos a história do imposto sobre herança, sua abolição e quais as consequências que isso teve sobre os empresários suecos e as receitas fiscais.